quarta-feira, agosto 30, 2006

Índice de raios UV elevado - DGS alerta para problemas “agudos e crónicos” para a saúde


O Índice de Raios Ultravioleta (IUV) deverá hoje ser "muito alto" em Portugal devido às altas temperaturas. A Direcção-geral de Saúde recomenda a protecção da pele e da visão. De acordo com o Instituto de Meteorologia, as temperaturas estarão altas até sexta-feira.
Arquivo SIC
Os raios UV podem ser prejudiciais à saúde
Devido às altas temperaturas, que poderão chegar aos 40 graus nas regiões do Interior/Centro e Sul, o IUV será hoje "muito alto", situando-se no nível oito.
Segundo a Direcção-geral de Saúde, a exposição à radiação ultravioleta do sol "pode conduzir a problemas agudos e crónicos para a saúde, nomeadamente ao nível da pele, olhos e sistema imunitário".
Como medidas de prevenção dos efeitos do calor, sobretudo nos idosos, acamados, doentes crónicos e crianças, a Direcção-geral de Saúde recomenda o aumento da ingestão de água ou sumos de fruta natural, sendo de evitar bebidas alcoólicas, gaseificadas, com cafeína ou ricas em açúcar.
Temperaturas altas até sexta-feira
O Instituto de Meteorologia prevê para hoje, quinta e sexta-feira temperaturas acima da média para a época, que podem variar entre os 35 e os 40 graus.
As temperaturas elevadas, esperadas sobretudo para as regiões do Centro e do Sul de Portugal continental, levaram o IM a lançar um aviso de alerta Amarelo. Nos locais com temperaturas mais altas, o alerta será Laranja.
Com Lusa

terça-feira, agosto 29, 2006

Poupar água e electricidade


Poupar energia é uma expressão cada vez mais corrente nos dias que correm.

Os noticiários bombardeiam-nos constantemente com alertas do esgotamento dos recursos naturais do planeta.

Mas além desta ameaça que dá muitos e grandes motivos de reflexão à escala global, outra ameaça parece tocar-nos mais directa e pessoalmente: os gastos do nosso orçamento mensal.

Na verdade, nem nos passa pela cabeça o dinheiro que poderíamos poupar se tivéssemos mais em atenção os gastos de água ou de electricidade em nossas casas.

Junte o útil ao agradável! Eis alguns truques que podem mudar os hábitos de desperdício, ajudar o planeta e fazer com que o dinheiro renda mais.

Poupança de Electricidade:

Poupança de Água:

segunda-feira, agosto 28, 2006

Últimos episódios de Belíssima em Portugal


Final feliz para Júlia e Nikos

Com a morte de André a empresária está livre para amar de novo
Bia sabe que tem pouco tempo para escapar a Gilberto e põe o seu plano em marcha: rapta Sabina e prepara-se para abandonar o país. Mas Vitória conta com uma aliado para recuperar a filha: André. Os dois saem no encalço da megera que não hesita em disparar acabando a bala por ferir mortalmente o executivo. Enquanto André agoniza, Bia e Medeiros conseguem fugir. No hospital, André, antes de morrer, recebe a visita de Júlia a quem diz que nunca deixou de amar. Apesar do desgosto, a empresária sabe que a vida continua e que um amor sincero e apaixonado a espera do outro lado de lá do oceano. Na Grécia, Nikos sofre na solidão da sua ilha quando a chegada da empresária o surpreende. Felizes, unem os seus destinos numa bonita cerimónia. A felicidade do grego fica completa com a visita de Mónica e Cemil que o trata pela primeira vez por pai.



Vitória é a filha de Bia
Depois de interrogar uma mulher que lhe explica como Vitória é a filha de Bia e Murat, Gilberto põe a amada ao corrente da situação. A jovem procura a vilã que se mostra chocada mas, como no passado, volta a rejeitá-la. Já no casarão a novidade tem uma recepção calorosa por parte de toda a família do turco que a abraça com o maior carinho.



Outros finais
Irritada por ter falhado o seu plano de ser a única dona da Belíssima, Bia mata Madeiros e Yvete e foge no seu jacto para Paris onde se junta a Mateus. Gilberto e Vitória vivem felizes. Pascoal casa-se com Safira. Rebeca e Karen ficam juntas. O tio Gigi arranja um namorado. As duas ex-vedetas, Guida e Mary voltam aos palcos num show revivalista e apoteótico!



In: www.sic.pt



OPINIÃO:
Após vários anúncios por parte do canal que emite a novela Belíssima (SIC), de modo a ganhar mais audiências e prender os telespectadores à novela que irá passar no horário nobre - Cobras e Lagartos - o tão esperado último episódio é na próxima quinta-feira, dia 31 de Setembro.



Mais informações em:
http://belissima.globo.com/Novela/Belissima/0,,4988,00.html

Óscares da televisão dos EUA - Emmys: 24 e The Office são as melhores séries do ano

O actor Kiefer Sutherland levou para casa o prémio de melhor actor numa série dramática




A série 24 venceu esta madrugada um Emmy para a melhor série dramática e a versão norte-americana de The Office venceu na categoria de melhor série cómica, na 58ª cerimónia de entrega dos prémios conhecidos como os Óscares da televisão nos Estados Unidos.

Kiefer Sutherland, que encarna o papel do agente secreto Jack Bauer na série 24, levou para casa o prémio de melhor actor numa série dramática, enquanto que Tony Shalhoub, da série Monk, foi distinguido com o prémio de melhor actuação numa série cómica.
Julia Louis-Dreyfus (Elaine Benes, da série Seinfeld) arrecadou o prémio de melhor actriz numa série cómica, em New adventures of Old Christine, e Mariska Hargitay foi premiada com o Emmy de melhor actriz pelo seu desempenho na série Lei & Ordem.
Duas obras históricas britânicas - Elizabeth I e o telefilme The girl in the Café, duas co-produções para a cadeia de televisão HBO - venceram nas categorias de melhor mini-série e melhor telefilme, respectivamente.

EMMYS 2006

Outstanding Comedy Series
Winner:
"The Office" (2005)
Other Nominees:
"Arrested Development" (2003)
"Curb Your Enthusiasm" (2000)
"Scrubs" (2001)
"Two and a Half Men" (2003)

Outstanding Drama Series
Winner:
"24" (2001)
Other Nominees:
"Grey's Anatomy" (2005)
"House M.D." (2004)
"The Sopranos" (1999)
"The West Wing" (1999)

Outstanding Made for Television Movie
Winner:
The Girl in the Café (2005) (TV)
Other Nominees:
Flight 93 (2006) (TV)
The Flight That Fought Back (2005) (TV)
Mrs. Harris (2005) (TV)
Yesterday (2004)

Outstanding Miniseries
Winner:
Elizabeth I (2005) (TV)
Other Nominees:
"Bleak House" (2005)
"Into the West" (2005) (mini)
"Sleeper Cell" (2005)

Outstanding Lead Actor in a Comedy Series
Winner:
Tony Shalhoub for "Monk" (2002)
Other Nominees:
Steve Carell for "The Office" (2005)
Larry David for "Curb Your Enthusiasm" (2000)
Kevin James for "The King of Queens" (1998)
Charlie Sheen for "Two and a Half Men" (2003)

Outstanding Lead Actor in a Drama Series
Winner:
Kiefer Sutherland for "24" (2001)
Other Nominees:
Peter Krause for "Six Feet Under" (2001)
Denis Leary for "Rescue Me" (2004)
Christopher Meloni for "Law & Order: Special Victims Unit" (1999)
Martin Sheen for "The West Wing" (1999)

Outstanding Lead Actor in a Miniseries or Movie
Winner:
Andre Braugher for "Thief" (2006)
Other Nominees:
Charles Dance for "Bleak House" (2005)
Ben Kingsley for Mrs. Harris (2005) (TV)
Donald Sutherland for Human Trafficking (2005) (TV)
Jon Voight for Pope John Paul II (2005) (TV)

Outstanding Lead Actress in a Comedy Series
Winner:
Julia Louis-Dreyfus for "The New Adventures of Old Christine" (2006)
Other Nominees:
Stockard Channing for "Out of Practice" (2005)
Jane Kaczmarek for "Malcolm in the Middle" (2000)
Lisa Kudrow for "The Comeback" (2005)
Debra Messing for "Will & Grace" (1998)

Outstanding Lead Actress in a Drama Series
Winner:
Mariska Hargitay for "Law & Order: Special Victims Unit" (1999)
Other Nominees:
Frances Conroy for "Six Feet Under" (2001)
Geena Davis for "Commander in Chief" (2005)
Allison Janney for "The West Wing" (1999)
Kyra Sedgwick for "The Closer" (2005)

Outstanding Lead Actress in a Miniseries or Movie
Winner:
Helen Mirren for Elizabeth I (2005) (TV)
Other Nominees:
Gillian Anderson for "Bleak House" (2005)
Kathy Bates for Ambulance Girl (2005) (TV)
Annette Bening for Mrs. Harris (2005) (TV)
Judy Davis for A Little Thing Called Murder (2006) (TV)

Outstanding Supporting Actor in a Comedy Series
Winner:
Jeremy Piven for "Entourage" (2004)
Other Nominees:
Will Arnett for "Arrested Development" (2003)
Bryan Cranston for "Malcolm in the Middle" (2000)
Jon Cryer for "Two and a Half Men" (2003)
Sean Hayes for "Will & Grace" (1998)

Outstanding Supporting Actor in a Drama Series
Winner:
Alan Alda for "The West Wing" (1999)
Other Nominees:
Michael Imperioli for "The Sopranos" (1999)
Gregory Itzin for "24" (2001)
Oliver Platt for "Huff" (2004)
William Shatner for "Boston Legal" (2004)

Outstanding Supporting Actor in a Miniseries or Movie
Winner:
Jeremy Irons for Elizabeth I (2005) (TV)
Other Nominees:
Robert Carlyle for Human Trafficking (2005) (TV)
Clifton Collins Jr. for "Thief" (2006)
Hugh Dancy for Elizabeth I (2005) (TV)
Denis Lawson for "Bleak House" (2005)

Outstanding Supporting Actress in a Comedy Series
Winner:
Megan Mullally for "Will & Grace" (1998)
Other Nominees:
Cheryl Hines for "Curb Your Enthusiasm" (2000)
Elizabeth Perkins for "Weeds" (2005)
Jaime Pressly for "My Name Is Earl" (2005)
Alfre Woodard for "Desperate Housewives" (2004)

Outstanding Supporting Actress in a Drama Series
Winner:
Blythe Danner for "Huff" (2004)
Other Nominees:
Candice Bergen for "Boston Legal" (2004)
Sandra Oh for "Grey's Anatomy" (2005)
Jean Smart for "24" (2001)
Chandra Wilson for "Grey's Anatomy" (2005)

Outstanding Supporting Actress in a Miniseries or Movie
Winner:
Kelly Macdonald for The Girl in the Café (2005) (TV)
Other Nominees:
Ellen Burstyn for Mrs. Harris (2005) (TV)
Shirley Jones for Hidden Places (2006) (TV)
Cloris Leachman for Mrs. Harris (2005) (TV)
Alfre Woodard for The Water Is Wide (2006) (TV)

Outstanding Variety, Music Or Comedy Series
Winner:
"The Daily Show" (1996)
Other Nominees:
"The Colbert Report" (2005)
"Late Night with Conan O'Brien" (1993)
"Late Show with David Letterman" (1993)
"Real Time with Bill Maher" (2003)

Outstanding Reality Competition Program
Winner:
"The Amazing Race" (2001)
Other Nominees:
"American Idol: The Search for a Superstar" (2002)
"Dancing with the Stars" (2005/I)
"Project Runway" (2004)
"Survivor" (2000)

Outstanding Variety, Music Or Comedy Special (Previously Announced)
Winner:
"Turin 2006: XX Olympic Winter Games" (2006) (mini)
Other Nominees:
The 78th Annual Academy Awards (2006) (TV)
Bill Maher: I'm Swiss (2005) (TV)
George Carlin: Life Is Worth Losing (2005) (TV)
Paul McCartney Live in St. Petersburg (2003) (TV)

Outstanding Reality Program (Previously Announced)
Winner:
"Extreme Makeover: Home Edition" (2003)
Other Nominees:
"Antiques Roadshow" (1997)
"The Dog Whisperer" (2004)
"Kathy Griffin: My Life on the D-List" (2005)
"Penn & Teller: Bullshit!" (2003)

Outstanding Animated Program (Less Than One Hour - Previously Announced)
Winner:
"The Simpsons" (1989)
Other Nominees:
"Camp Lazlo" (2005)
"Family Guy" (1999)
"Foster's Home for Imaginary Friends" (2004)
"South Park" (1997)




Fonte: http://www.imdb.com/features/emmys/2006/emmys

sexta-feira, agosto 25, 2006

Uma vergonha...

Bruxelas acaba de revelar uma notícia preocupante para o país: Portugal é o que tem o pior nível de vida para quem recebe o salário mínimo. Estamos a falar numa lista de países que inclui a Europa dos 15, ou seja os membros antes do alargamento. Portugal já está atrás da Grécia, embora quando se fale em custo de vida o nosso país salte para lugares mais cimeiros.
A situação que se segue explica bem porquê: a nova lei sobre parques de estacionamento, alterada a pedido de Bruxelas, prevê a cobrança de tarifas de 15 em 15 minutos. No entanto a lei só está a ser aplicada em alguns parques privados. Os que pertencem à Câmara de Lisboa, por exemplo, continuam com as regras antigas e cobranças à hora, mesmo que o carro só permaneça 15 minutos.
Fonte: www.sic.pt

quinta-feira, agosto 24, 2006

Blogues novos no mundo dos blogueiros!!!!

Cá estão dois blogues novos, fresquinhos que nem duas alfaces! O da Nancy e o do meu priminho João Eduardo.
Cá ficam os endereços, respectivamente:




Espreitem e vejam com os vossos próprios olhos o que vos espera! Eu já fiquei frequente assídua e fã número um!
Beijinhos para os dois!

Plutão já não é planeta


Votação retira oficialmente o estatuto ao astro.

Os astrónomos chegaram a propor 12 planetas para o sistema solar.

A Assembleia-geral da União Astronómica Internacional (IAU) decidiu hoje, em Praga, retirar a Plutão o seu estatuto de planeta. Assim, o sistema solar passa a ter apenas oito planetas.


A IAU acabou por votar hoje, por unanimidade, na sua XXVI assembleia-geral, a exclusão de Plutão da categoria de planeta com pleno direito a figurar no sistema solar. Os mais de 2.500 astrónomos de 75 países reunidos na capital da República Checa reconhecem desta forma que se cometeu um erro quando se outorgou a Plutão a categoria de planeta em 1930, ano da sua descoberta. Deste modo, a definição adoptada hoje preenche um vazio que existia neste campo científico desde os tempos do mítico astrónomo polaco Copérnico (1473 a 1543). A nova definição contempla três grupos de planetas: o primeiro com os oito planetas "clássicos" - Mercúrio, Vénus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno e Urano -, o segundo com os asteróides e o terceiro grupo com Plutão e o novo objecto UB-313, descoberto no ano passado. Plutão, descoberto há 76 anos pelo cientista norte-americano Clyde Tombaugh (1906-1997), foi objecto de disputa durante décadas. Principalmente devido ao seu tamanho, que tem sido reduzido ano após ano até aos 2.300 quilómetros de diâmetro actualmente estabelecidos. Desta forma, Plutão é muito mais pequeno do que a Terra (12.750 quilómetros) mas também do que a lua terrestre (3.480 quilómetros) e inclusivamente do que o UB-313 (cerca de três mil quilómetros), que contudo se encontra bem mais longe do Sol. Outro argumento contra Plutão é a forma pouco ortodoxa da sua órbita, cuja inclinação não é paralela à da Terra nem à dos outros sete planetas do sistema solar. O projecto original da IAU, que causou um intenso interesse mediático na semana passada, previa o alargamento para 12 planetas: os oito "verdadeiros" planetas, os três anões (Plutão, Ceres e UB- 313) e Caronte, que se mantém como lua de Plutão.
Com Lusa; texto em: www.sic.pt
Images of the Asteroid Ceres As It Rotates One Quarter
Fontes:

quarta-feira, agosto 23, 2006

Benfica (3) - Viena de Áustria (0)

Benfica
«Houve muita qualidade» (Fernando Santos)
Fernando Santos gostou muito da prestação da sua equipa na partida frente ao Áustria de Viena, e esclareceu que este ritmo é para continuar ao afirmar que os jogadores «estão em crescendo»
22/08/2006 23:20


«Houve muita emoção» (Rui Costa)
Rui Costa estava bastante satisfeito no final da vitória do Benfica sobre o Áustria de Viena e partilhou a emoção no seu regresso (num jogo oficial) ao Estádio da Luz.
22/08/2006 23:05

Fonte: http://www.abola.pt/



Foto: http://www.correiomanha.pt/

Benfica qualifica-se para fase de grupos da Liga dos Campeões

22.08.2006 - 22h15 Lusa

O Benfica garantiu hoje presença na fase de grupos da Liga dos Campeões de futebol ao vencer o Áustria de Viena por 3-0, em jogo da segunda mão da terceira pré-eliminatória da competição, disputado no Estádio da Luz, em Lisboa.


O Benfica, que na primeira-mão empatou a um golo em Viena, adiantou-se no marcador aos 21 minutos com um tento de Rui Costa e aumentaram a vantagem ainda antes do intervalo (47+) por intermédio de Nuno Gomes.

Aos 57 minutos, Petit estabeleceu o resultado final, que permite aos "encarnados" juntarem-se a FC Porto e Sporting, que garantiram acesso directo à fase de grupos.O sorteio da fase de grupos, onde Portugal estará pela primeira vez representado por três equipas, realiza-se quinta-feira, no Mónaco.

O sorteio para a próxima fase é quinta-feira, altura em que os jogadores da Luz vão ficar a saber o nome do adversário.

Constituição das equipas:

BENFICA: Quim; Nélson, Luisão, Anderson e Ricardo Rocha; Petit e Katsouranis; Manu, Rui Costa, Paulo Jorge; Nuno Gomes.

ÁUSTRIA VIENA: Safar; Troyanski, Tokic, Hill, Papac; Radomski e Blanchard; Winner, Che, Mila; Wallner

Fonte: http://www.publico.clix.pt/; http://www.abola.pt/

Na Cozinha com Oliver


Na Cozinha com Oliver é a prova que um programa de culinária pode ser surpreendente e divertido.

Enquanto faz compras e cozinha, Oliver dá dicas para escolher os melhores ingredientes e revela truques para fazer pratos deliciosos.

Ninguém resiste às receitas deste famoso e animado cozinheiro britânico.

Na Cozinha com Oliver: na SIC Mulher às quintas-feiras, 13:00 e domingos às 12:30.
Site oficial do Jamie Oliver: http://www.jamieoliver.com/

Gelados fazem as pessoas felizes

Os gelados são únicos; para além de serem o único alimento que se consome congelado, também oferecem uma experiência sensorial sem igual.
Eis alguns resultados de um estudo recentemente pela Unilever Ice Cream que revela também que os gelados fazem as pessoas felizes. Para além de a área da saúde e do bem-estar ser propícia ao crescimento, no fundo, os gelados têm a ver com prazer e desejo.




No inquérito realizado para o estudo, junto dos consumidores na Europa, a maior parte dos consumidores europeus considera que o consumo de gelados é divertido (71%) e perto de dois em cada três entrevistados acham que os gelados são óptimos para criar relações sociais (63,2%).
Os resultados deste estudo trazem à luz do dia a primeira prova científica de que os gelados fazem realmente as pessoas felizes!



Levado a cabo no Instituto de Psiquiatria de Londres, o estudo revela que o consumo de gelados activa as zonas do cérebro relacionadas com o prazer.
Os voluntários deste estudo foram observados através de um dispositivo de imagiologia não invasivo (um scanner fMRI) que regista a actividade do cérebro, e os resultados demonstram claramente que o consumo de gelados "activa” imediatamente as zonas do cérebro relacionadas com o prazer.
Don Darling, Vice-Presidente de Desenvolvimento da Unilever Ice Cream, para a Europa, prevê: “No futuro, os gelados poderão contribuir para melhorar a saúde e o bem-estar, em geral. Por exemplo, dois dos ingredientes mais importantes para os gelados são o leite e a fruta, pois ambos contêm nutrientes importantes e constituem benefícios para a saúde. Os nutrientes da fruta podem contribuir para melhorar o nosso sistema imunitário, digestivo e cardíaco.
Algumas frutas possuem naturalmente níveis elevados de nutrientes que podem ser incorporados nos gelados e, por conseguinte, proporcionar ao consumidor vantagens positivas para a saúde, de uma forma divertida, agradável e natural.
Também prevemos o aumento dos níveis de Vitamina D nos gelados, pois esta vitamina pode ajudar o corpo a assimilar melhor o cálcio do leite, que constitui um nutriente importante. O aumento dos níveis de Vitamina D nos gelados irá ajudar o corpo a assimilar o cálcio do leite.”
Ana Palencia, nutricionista da Unilever, em Espanha, comenta: "Enquanto procuramos a melhor forma de incorporar “super” frutas nos futuros gelados, pode, já hoje, usufruir de alguns dos benefícios destas frutas, seguindo algumas das nossas receitas que incluem produtos Carte d'Or. Elaboradas pelo famoso “chef” Antony Worrall Thompson, estas receitas são uma óptima forma de beneficiar das “super” frutas, de uma forma divertida e agradável, e perceber como os gelados podem fazer parte integrante de uma dieta equilibrada e mais agradável."

Peanuts 3

segunda-feira, agosto 21, 2006

Dinossauros já comiam erva


Vestígios de erva que foram encontrados em dinossauros fossilizados vêm, assim, provar a existência de erva naquele período e, além disso, muda também o que se pensava ser a dieta alimentar dos dinossauros herbívoros. Até este momento pensava-se que a erva tinha "apenas" 55 milhões de anos de idade e que os dinossauros se alimentavam de outras plantas, mas, afinal não era bem assim. A descoberta foi feita por dois investigadores Indianos que, ao analisar o fóssil de um Saurópodes, um dinossauro herbívoro de pescoço bastante comprido, encontraram os vestígios de ervas fossilizadas. Assim a erva ganhou, pelo menos, mais 10 milhões de anos à sua idade, ou seja 65 milhões de anos.

Peanuts 2








P: Como se diz elevador em Japonês?

R: "Toca no botão!"

domingo, agosto 20, 2006

Complexo Balnear da Ponta Gorda


Das inúmeras infraestruturas de que é dotada, a Ponta Gorda disponibiliza aos visitantes duas piscinas, uma para adultos e outra para crianças equipada com equipamento lúdico infantil, ambas de água salgada, uma piscina natural e acesso ao mar.
Os utentes têm à sua disposição uma área de solário com um total de 690 m 2, instalações sanitárias, duches, balneários, espreguiçadeiras, guarda-sóis, posto de primeiros socorros, um parque infantil, um bar, um restaurante, assim como uma sala de jogos e um espaço Net.













OPINIÃO:

- Tem bons acessos e um parque infantil coberto.
- Complexo é composto por duas piscinas e acesso ao mar.
- Tem balneários, bar, restaurante, duches e WC.
- Os salva-vidas parece que estão a dormir em pé.
- Os azulejos à volta das piscinas são escorregadios.
- Os escorregas para os miúdos na piscina grande só tem um parafuso a fixar, logo não tem muita segurança por não estar muito fixo.
- Preço: 2,90€ (adulto); 1,50€ (criança).

- Localização: Passeio marítimo do Funchal (Madeira).





Fonte: http://213.138.230.52/main.htm

As verdades vêm sempre ao de cima


A verdade às vezes dói, mas vem. Sem avisar. Mais vale sabermos as coisas sempre pelas próprias pessoas do que por terceiros... Quando isso não acontece a tristeza é maior... Entranhada. Ferida. Profunda. Desilusão.
A verdade faz-nos crescer e ficar mais fortes, duma maneira ou de outra, a bem ou a mal, doendo ou não...
I'm feeling blue today...

sábado, agosto 19, 2006

Amizade pura



"Amigo não é aquele que anda connosco no nosso Porsch. Amigo é aquele que anda connosco de autocarro quando não temos o nosso Porsch!"
Esta frase foi-me dita por uma grande Amiga minha numa das nossas longas conversas de fim de tarde e fez-me pensar que é realmente uma grande verdade... É uma metáfora para dizer que os Amigos de verdade estão sempre presentes nos maus momentos e nas nossas aflições e não só quando está tudo bem.
Thanks Filipa, és uma grande Amiga!! Beijinhos!

Peanuts - part 3

Peanuts - part 2

Peanuts - part 1

sexta-feira, agosto 18, 2006

Peanuts



OPINIÃO:

Com a chuva que tem feito em Portugal, só mesmo dentro de casa...
Boa Snoopy!

Piratas das Caraíbas: O Cofre do Homem Morto *****


Piratas das Caraíbas: O Cofre do Homem Morto
Pirates of the Caribbean 2
Estados Unidos - 2006
Acção/Aventura
12 anos
Jack tem um dívida para com Davy Jones e o seu exército de fantasmas do mar. Essa dívida é a sua própria alma... Jack terá pois que encontrar uma forma de evitar tornar-se um dos soldados daquele exército, de se tornar mais um fantasma e sofrer com isso para sempre...
Em Piratas das Caraíbas, Jack Sparrow é o (pouco convencional) pirata, Will Turner o cavalheiro e Elizabeth Swann essa donzela: os seus destinos vão ficar marcados para sempre...
Pirata, sentido clássico do termo, referente à prática de roubo e/ou pilhagem feita a terceiros, nomeadamente nas Caraíbas, onde os piratas existiam em grande quantidade
.
Há, sobretudo, que destacar a grande interpretação de Johnny Depp ea brilhante composição que faz do pirata Jack Sparrow. Ele é alma de Piratas das Caraíbas ...
Pirata das Caraíbas - O Cofre do Homem Morto. Depois de A Maldição do Pérola Negra, O Cofre do Homem Morto marca o regresso destes actores neste filme de acção e aventura com momentos cómicos e divertidos ...

1.ª casa! E agora?

Não há amor como o primeiro. Assim reza o ditado e a experiência confirma-o. As emoções vividas com a primeira casa nunca se esquecem, nem voltam a repetir-se. Preparámos um guia para orientá-lo, com respostas e ideias para as dúvidas mais frequentes.


Texto de Helena Botelho Fotografias de Getty Images




1 - Briefing:

Nas decisões importantes da vida, é preciso ponderar todas as circunstâncias. Quais os aspectos que deve valorizar quando se escolhe uma casa? Deixamos algumas pistas.

Acessos – De início, pode parecer um detalhe sem importância, mas depressa compreenderá que o ideal é que a casa fique perto do emprego. Informe-se sobre a rede de transportes e as horas de maior congestionamento de trânsito

Estacionamento – Nas cidades, este é um dos aspectos determinantes na escolha de uma habitação. Nada se compara ao conforto de se sentir em casa assim que abre o portão da garagem

Exposição solar – Visite o apartamento em diferentes horas do dia. Assim poderá verificar in loco a incidência da luz solar

Ruído – Mais um motivo para revisitar a casa de manhã, à tarde e à noite. A proximidade de uma avenida movimentada, uma indústria ou uma zona de bares pode revelar-se um grande inconveniente

Serviços – Escolas, zonas verdes, supermercados, bancos, correios, centros de saúde… O ideal seria ter todos estes serviços ao virar da esquina.

2 - Onde procurar:

Comece por definir o local onde gostaria de viver. Com muito empenho e uma pitada de sorte encontrará a casa com que sempre sonhou.

Anúncios de rua – De nariz no ar, passeie na zona escolhida. Os cartazes pendurados nas janelas são o melhor ponto de partida para começar a visitar casas

Jornais – A secção de anúncios dos jornais continua a ser uma boa fonte de informação; encontrará uma pequena descrição do que poderá encontrar

Internet – É a pesquisa mais fácil, rápida e eficaz. Os anúncios online têm como principal vantagem poder visionar imagens ou filmes da própria casa. Assim, poderá fazer uma pré-selecção mais criteriosa

Imobiliárias – Se recorrer aos serviços destas empresas, leia os contratos com muita atenção. Alguns propõem exclusividade, solução que pode trazer vantagens aos vendedores (maior empenho da agência intermediária e um prazo limite para concretizar o negócio)

3 - Ronda dos Bancos:

Comprar casa é cada vez mais a opção escolhida pelos jovens que pretendem começar uma vida independente. As dúvidas começam a surgir na hora de recorrer ao crédito bancário. Saiba, antecipadamente, quais os passos a dar.

Simulações - Não tenha vergonha de fazer todas as perguntas que achar necessário. Consulte vários bancos e veja qual lhe oferece melhores condições

Spread - Este é o factor variável em todos os empréstimos. Em função da sua situação financeira, o montante do empréstimo, a avaliação do imóvel e outros factores variáveis, pode negociar este valor. Quanto mais baixo (tenha como referência valores entre 0,4 e 1,5 por cento), menor será a prestação mensal

Taxas de juro - Indexadas à Euribor (Euro Interbank Offered Rate é a média das taxas cobradas pelos principais bancos europeus), variam de três em três meses ou de seis em seis meses. Os sistemas de prestação fixa são geralmente mais elevados. As taxas fazem variar o valor da prestação

Despesas - Além da prestação mensal do empréstimo, faça as contas a todas as despesas fixas inerentes à compra de uma casa (seguros, condomínio, água, electricidade, etc.) e aos custos de todo o processo (registos, avaliação, imposto municipal…). As despesas não devem ser superiores a metade do valor do rendimento mensal.

4 - Documentos Necessários:

Podem variar conforme a instituição bancária.

-Bilhete de identidade

-Cartão de contribuinte

-Declaração da entidade patronal com indicação do vínculo contratual

-Recibos de vencimento (últimos 3 meses)

-Extractos bancários

-Declaração de rendimentos e nota de liquidação de IRS

-Planta de localização do prédio (caso este não tenha n.º de polícia)

-Planta do imóvel a hipotecar.

5 - Arrendamento jovem:

O Instituto Nacional de Habitação, através do IAJ (Incentivo ao Arrendamento Jovem), comparticipa até €249,40 do valor da renda, não podendo o incentivo ultrapassar 75 por cento do valor total da renda. Vale a pena tentar.Condições de acesso:

-Ter menos de 30 anos

-Tratando-se de um casal, nenhum dos elementos poderá ter mais de 30 anos.

-Ter declaração de IRS compatível com o valor da renda

-Ser titular de um contrato de arrendamento celebrado ao abrigo do actual Regime do Arrendamento Urbano (Decreto-Lei n.º 321-B/90, de 15 de Outubro)

-A casa ou fracção arrendada terá de ter licença de utilização emitida há menos de oito anos pela respectiva Câmara Municipal

-Não possuir outra casa própria ou arrendada para habitação permanente

-Não ter laços familiares com o senhorio

-Não praticar subarrendamento ou hospedagem na casa arrendada

Mais informações: www.inh.pt ou tel. 707 252 707.


6 - Documentos Necessários:

-Bilhete de identidade

-Título válido de autorização de residência, para os cidadãos estrangeiros

-Cartão de contribuinte

-Cédulas pessoais dos menores que façam parte do agregado familiar

-Contrato de arrendamento

-Procuração (se o contrato de arrendamento for efectuado por representante do senhorio)

-Licença de utilização da fracção arrendada, com menos de 8 anos, emitida pela Câmara Municipal

-Última declaração de IRS de cada elemento do agregado familiar (todos os anexos frente e verso)Últimas notas de liquidação de IRS de cada elemento do agregado familiar

-Último recibo de renda (exigível à data de entrega da candidatura)

-Carta do senhorio participando o aumento de renda nos termos exigidos por lei (caso tenha havido lugar ao mesmo)

-NIB de conta de depósito à ordem da Caixa Geral de Depósitos.


7 - Enfim só:

Depois de escolhida a casa, segue-se o próximo passo: decorá-la. Para quem vai viver sozinho pela primeira vez aqui ficam algumas regras elementares.

Mobiliário - Não compre tudo antes de se mudar. Instale-se primeiro, com algumas peças básicas (cama, sofá e um kit de cozinha) de forma a perceber o que realmente lhe faz falta.


Reciclar - Esta é a palavra-chave dos noviços. Aproveite todos os móveis antigos de família e adapte-os ao seu gosto e à sua casa: pinte uma cómoda; adapte uma estante; e, por que não, ter uma sala de jantar com cadeiras todas diferentes?

Versatilidade - Se o orçamento e o espaço disponível não forem tão alargados quanto desejaria, opte por peças multifuncionais (sofá/cama, mesa/secretária, banco/escadote, pouf/baú, estante/biombo)

Tecidos - Não imagina as inúmeras potencialidades deste material. Escolha as cores e os padrões certos e comece a cortar e a coser – cabeceira de cama, quadros, “portas” de armários e roupeiro… Se acha que não tem jeito para o faça-você-mesmo, não se iniba de pedir ajuda aos membros “mais prendados” da família

Inspiração - Pesquise em filmes, lojas, catálogos e revistas. Recolha as imagens dos ambientes e soluções que mais lhe agradam e construa o seu dossier de decoração. De seguida, parta em busca de peças iguais ou semelhantes.

9 - Cargas e descargas:

Com a ajuda de amigos ou recorrendo a uma empresa especializada há sempre algumas tarefas que não poderá deixar de fazer. Planeie tudo ao pormenor para evitar surpresas menos agradáveis.

Lista - Faça um inventário de todas as peças. Assim, não corre o risco de se esquecer de alguma. No caso de contratar uma empresa para efectuar mudanças, esta lista é obrigatória e imprescindível

Empresas - Imagine entrar na nova casa e ter tudo nos seus respectivos lugares: as louças nos armários, a roupa nas gavetas e os livros na estante. Algumas empresas especializadas tratam de tudo isto por si

Transporte - Se vai alugar uma carrinha para este efeito, previna-se com mantas, cobertores e correia para proteger os móveis e prender as caixas. Nesta fase, terá de contar com amigos mais corpulentos para dar uma ajuda no carregamento

Elevador exterior - Se quiser transportar móveis de grandes dimensões, sobretudo para andares altos, o melhor será contratar os serviços de uma empresa que disponha deste equipamento

Caixas - Em função dos objectos a transportar, escolha o tamanho e a resistência das caixas. Algumas empresas fornecem este material com a devida antecedência. Acondicione previamente as peças mais frágeis com papel, plástico ou panos para que não se danifiquem.

9 - Do velho se faz novo:


Um apartamento antigo, cheio de charme, num bairro típico, faz as delícias de muitos jovens que decidem sair de casa dos pais. Mas antigo não tem de ser obrigatoriamente sinónimo de desconforto. Meta mãos à obra e remodele o seu espaço.

Canalização – Foco de muitos aborrecimentos, não queira poupar na hora de mudar a canalização. Actualmente, as tubagens mais indicadas são as de inox e PEX

Instalação eléctrica – Se tiver de substituí-la, saiba que tem de recorrer a um profissional credenciado. Nas obras de maior envergadura aproveite para colocar várias tomadas em locais estratégicos e pondere a instalação de um equipamento de aquecimento

Pladur – Ideal para tectos falsos, paredes e divisórias, este material é barato e de fácil aplicação. No mercado encontra modelos higrófobos, indicados para cozinhas e casas de banho. Depois de aplicado, o pladur pode ser pintado

Pinturas – Não tenha medo de fazer experiências. Dê cor à sua casa pintando uma parede ou uma divisão no seu tom preferido. A tinta de azulejos é outra das soluções ao seu alcance para esconder os padrões mais desactualizados

Pavimento – Os novos sistemas de colocação de soalhos flutuantes são tão simples que qualquer um poderá fazê-lo. Com um encaixe de peças macho/fêmea consegue prescindir do uso de colas.

Casa na net:

www.rntrans.pt

www.luistrans.com

www.hertz.com.pt

www.europcar.pt/home.html

www.millenniumbcp.pt

www.bes.pt

www.montepiogeral.pt

www.lardocelar.com

www.portaldocidadao.pt

www.era.pt

www.remax.pt

10 - Perguntas frequentes:

1 - Tenho pouco espaço para arrumações. Que tipo de móveis devo comprar?

Quando o espaço é reduzido, o ideal é fazer móveis à medida em vez de comprá-los já feitos. Assim, aproveita-se todo o espaço disponível.

2 - Uma parede com cores vivas pode tornar-se cansativo?

Sim, em geral cria um efeito extremamente cansativo. Mas no caso de um hall não cansa, porque são locais de passagem. Em zonas de estar é melhor evitar pintar grandes superfícies de cores fortes.

3 - Como posso disfarçar os tectos demasiado altos?

A questão não é disfarçar tectos altos, mas sim valorizá-los. Em matéria de tectos, quanto mais alto melhor!

4 - Como devo decorar o hall de entrada?

Um hall é apenas um lugar de passagem e o que ele precisa é de um bom espelho, um móvel para atirar chaves e correio e pouco mais. É um bom lugar para criar um efeito dramático, usando por exemplo cores fortes.

5 - Quais as peças básicas para uma primeira casa?

É sempre melhor ter pouco e bom do que muita tralha (a tralha vem com o tempo). Básico é aquilo que mais se usa (cama, sofá, mesa, cadeira, etc.), pelo que é preciso definir prioridades e comprar o essencial, mas sempre pouco a pouco. Como dizia um amigo meu: “A pressa passa e a porcaria fica.”

6 - A minha casa tem pouca luz. Existem alguns truques para tornar o ambiente mais luminoso?

Ter pouca luz natural é sempre triste. Para ajudar aqui vão algumas sugestões: pintar paredes e tectos com cores muito claras, usar muita luz indirecta apontada ao tecto (candeeiros de pé alto), colocar um espelho grande para tentar rebater a fonte de luz natural e alegrar o ambiente com tecidos coloridos.

7 - Existe alguma regra para saber a altura certa para pendurar quadros?

Deve sempre ser determinada pela altura dos olhos. Em geral o olhar deve incidir sobre o centro do quadro. Se isto não for possível, por causa de algum móvel, existe sempre uma margem de manobra, mas se o quadro ficar muito acima ou abaixo do olhar desista e tente pendurá-lo noutro lugar.


11 - Juntar os trapinhos:

Com casamento ou sem ele, o começo de uma vida a dois é sempre um momento muito importante. Conferencie com a sua alma gémea e veja qual a melhor estratégia a adoptar para criarem a casa dos vossos sonhos.

Lista – Não se coíba de fazer uma lista de presentes. Os familiares e amigos mais próximos terão todo o gosto em contribuir para a decoração da nova casa~

Peças repetidas – Compare enxovais. Ainda está a tempo de trocar uma ou outra peça que tenham a dobrar. Na realidade, não vai precisar de dois trens de cozinha ou duas balanças de casa de banho

Mistura de estilos – Como conjugar a colecção de posters dos anos 70 do seu companheiro com os pratos antigos da sua avô? Fazendo cedências. No limite, se os estilos forem muito diferentes, atribua um espaço vital a cada um. Verá que é o início de uma decoração muito personalizada.

12 - Bem-vindos:

Convide os amigos para conhecer a nova casa. Prepare um jantar, um lanche ou um verdadeiro cocktail de inauguração com champanhe. O momento é de celebração.

Convites - Siga o protocolo à risca, mesmo que só convide os amigos mais íntimos, eles merecem. Envie com antecedência o convite pelo correio com todas as indicações práticas: dia, hora, morada e como lá chegar

Ementa - A escolha da ementa depende de vários factores: jantar sentado ou volante, época do ano (sopa fria ou quente), se a festa vai ser temática… Não se esqueça ainda de verificar se algum dos convidados é vegetariano ou alérgico a algum alimento

Decoração - É o ponto fulcral de toda a festa. Afinal, o propósito é dar a conhecer a nova casa. Esmere-se nos pormenores. Enfeite a mesa (sem exageros), reúna as flûtes para o brinde, espalhe velas perfumadas pela sala, compre flores frescas e distribua estrategicamente os pontos de luz

Música - Faça uma selecção prévia dos CDs que quer ouvir. A música deve servir para criar ambiente, permitindo que as pessoas conversem confortavelmente

Cartão - No final da festa entregue a todos os seus amigos um cartão de visita com a nova morada. Condição: seja criativo. Ofereça-o juntamente com uma pequena planta, um CD ou numa embalagem de incenso


Fonte: http://www.maximainteriores.xl.pt

quinta-feira, agosto 17, 2006

Dicas e truques (2006)


Sapatos
Cunhas, solas compensadas, biqueiras redondas, saltos grossos - esta nova tendência tem a vantagem de acrescentar um toque de indiscutível modernidade, além de ser quase sempre muito confortável. Em suma, os dias dos sapatos clássicos parecem ter chegado ao fim…
Malas
A esquecer: tecidos ou telas com monogramas! De um modo geral as carteiras usam-se grandes. São um pouco menos compartimentadas do que temos vindo a assistir nas últimas estações. Voltaram a usar-se ao ombro, o que é muito prático. Para a noite, continuam pequenas e requintadas. Pode conjugá-las com as cores da roupa ou contrastar. Tudo é permitido.
Cintos
São acessórios importantíssimos na silhueta desta estação, porque assumem agora um papel preponderante. Os cintos são bastante altos com fivelas enormes e usam-se mesmo no lugar da cintura.Esquecer as cinturas descaídas com cintos fininhos.
Bijutaria
Correntes, muitas correntes - correntes metálicas, colares bem compridos com contas ou pedras grandes. Os brincos deixaram de existir da forma como os usávamos. Já não são o centro do enfeite e, na maior parte das vezes, o seu lugar foi ocupado pelos colares.
Cor de pó de arroz
Esta designação serve para definir uma vasta gama de tons que vão do cor de carne ao bege e ao pêssego-claro. Para se obter um efeito bem conseguido desta tendência, esta cor deve ser utilizada na totalidade, ou seja, de preferência um vestido, um top + saia ou um top + calças, sempre em materiais fluídos e românticos. Pode ter acessórios em preto, em prata ou noutro tom da mesma cor. Ter em atenção a maquilhagem: a predominância destes tons pode apagar o rosto e, por isso, pode ser necessário recorrer a um reforço de cor, mas sempre com muita suavidade.
Estampados de flores
Usam-se simples ou combinados com outros estampados de flores. Mas atenção que, neste último caso, há que saber combinar. Usam-se, muitas vezes, em vestidos de cintura subida e também com folhos - sempre com uma pitada de romantismo e de Primavera.
Shorts
Usam-se curtos ou muito curtos, sempre acima do joelho. Em alguns casos, não são particularmente justos. Usar com solas compensadas, e com blazers, também eles curtos e estruturados. Por vezes, combinam-se com blusas ou tops fluídos e românticos para contrastar com a agressividade destas peças. Escusado será dizer que são exclusivamente reservados a pernas irrepreensíveis e a caras muito jovens.
Pedrarias
Normalmente, esta tendência aparece associada a vestidos de cocktail/festa. Quase lhes podemos chamar vestidos-jóias, uma vez que alguns se apresentam completamente bordados a pedras, paillettes, lantejoulas, incrustações de pequenos espelhos. Noutros casos, os vestidos são só parcialmente adornados, mas sempre de uma forma vistosa. As pedras iluminam a silhueta com uma aura de joalharia.
Folhos
Pode dizer-se que os folhos estão presentes em quase todas as peças e em quase todas as tendências. Os folhos combinam-se com branco total, com estampados de flores ou até com shorts e blusas. Evite-os, no entanto, se a sua silhueta for um pouco cheia, porque os folhos desta estação não são subtis e é muito fácil arredondarem bastante. Opte por blusas, se tiver um tronco magro, e por saias, se tiver coxas magras. Os tecidos devem ser fluídos, para que os folhos tenham movimento.
Branco total
Uma camisa branca – sobretudo, de corte masculino – é sempre uma peça indispensável em qualquer guarda-roupa. No entanto, não basta para se estar elegante. O que conta é a totalidade. Use o branco em sobreposições, em vestidos, saias, blusas ou calças. Como acessórios para combinar com esta cor, prefira o preto ou o branco.
Riscas
Voltaram em força! Principalmente, as horizontais, mas também as verticais. Usam-se como look total ou só como apontamento. Conjugadas com outras riscas, sobretudo em preto/branco, azul/branco ou encarnado/branco, em vestidos, casacos, malhas e calças. As riscas verticais alongam e emagrecem. O mesmo não se pode dizer das horizontais. Em caso de dúvida, é melhor usá-las só na parte superior ou inferior do corpo, conforme a sua estrutura.
Pretos
Esteve ausente pouco tempo e felizmente voltou. Também usado como look total e muitas vezes pontuado de acessórios brancos. Assiste-se ao regresso de “o meu vestido preto”. Nada beneficia mais uma mulher. Quer para dia quer para noite. Escolha consoante a situação e vai estar sempre bem.
Aqui, não há tendência para excessos. Os tons são muito naturais, o que não quer dizer ausência, mas apenas suavidade. A boca pode assumir um papel de relevo em ocasiões festivas com toda a gama de encarnados, laranjas ou rosas vibrantes. Ter em atenção as cores do vestuário.
De um modo geral usam-se lisos, ligeiramente escadeados com um ar natural. O rabo de cavalo no alto da cabeça e bastante repuxado continua a ser muito utilizado, tanto de dia como de noite. Suaves ondas com movimento podem ser também uma solução para a noite. Não deve, no entanto, escravizar o seu cabelo às tendências, caso ele não se adapte. Fale com o seu cabeleireiro.
Vestidos
É a peça de eleição, que pode reunir todas as outras tendências. Vestidos e camiseiros com cintos a marcar a cintura, linha império, linha balão, linha princesa, estampados, lisos, com folhos, brancos, quase sempre pela altura do joelho. Substituíram, de alguma forma, as calças que, nesta estação, não surgem em grande evidência. São hiperfemininos, fáceis de vestir, podem ocultar imperfeições mais depressa do que um par de calças e dão-lhe imediatamente uma silhueta actual. Uma nova postura a assumir.
Volumes
O ovo é a inspiração. Formas estreitas em cima e em baixo, e volumosas no meio. Saias balão, vestidos justos em cima com a cintura marcada e com a saia em forma de balão. Usam-se sempre pelo joelho - mais abaixo, a silhueta torna-se numa bola! Use um top ou uma saia, consoante as suas formas. O ovo total, apesar de servir para disfarçar a zona média do corpo, deve ser usado com cuidado.
Casacos
Vieram substituir o uso incondicional do blusão de ganga. Em forma de gabardines, casacos a três quartos, blazers cintados ou soltos e pelo joelho. A conjugar ou contrastar com as peças que ficam por baixo.
Calças
Apesar de estarem um pouco marginalizadas, nesta estação, irão, certamente, continuar a ser usadas. Pode escolher entre calças justas (só para as mais magras) ou soltas, por vezes com um corte masculino, em tecidos fluídos e até com pinças, transmitindo um certo ar de revivalismo de outras épocas. Neste caso, devem ser bastante compridas, quase sem deixar ver os sapatos.

DICAS úteis para a organização do Armário da Roupa

Dedique alguns momentos à organização do seu guarda-roupa e verá como, no dia-a-dia, irá economizar muito tempo, quando se lhe colocar a pergunta de todas as manhãs: o que vou vestir hoje? Conheça as nossas sugestões para Homens e Mulheres.No início de cada estação, dedique alguns momentos à organização do seu guarda-roupa e verá como, no dia-a-dia, irá economizar muito tempo e muitas preocupações, quando se lhe colocar a pergunta de todas as manhãs: o que vou vestir hoje? Para além disso, a forma como guarda o seu vestuário é muito importante, pois disso pode depender a sua durabilidade.
Mulheres – Dicas para organizar a sua Roupa
Comece por separar tudo o que, por ser muito quente ou muito frio, não poderá usar nessa estação. Se não tiver espaço para ter dois armários, compre uma arca ou uma mala grande.De seguida, organize toda a sua roupa por secções - calças, saias, casacos, blusões, vestidos – mantendo cada peça arrumada na sua secção (se possível, em cabides individuais).Se quiser, pode também comprar cabides iguais e organizar as suas peças de roupas, dentro de cada secção, por cores ou tons. Verá que o seu armário lhe parecerá muito mais novo e inspirador. Faça o mesmo com as peças que se guardam em gavetas (separar as de Verão das de Inverno e, depois, por género e por cor). Nunca pendure t-shirts, casacos de malha ou pullovers em cabides, porque corre o risco de os deformar. Faça também uma separação dos sapatos e guarde os da estação que está a acabar. Tenha o mesmo cuidado com os acessórios, lenços, cintos, bijutaria e até com as malas.A seguir, deverá experimentar todas as peças que lhe suscitem dúvidas – se ainda lhe servem, se vai querer usá-las de novo, se ainda se usam… Caso a resposta seja negativa, dê-as ou guarde-as com as da outra estação, para serem reavaliadas para o ano, mas tire-as do seu armário para não lhe darem a falsa sensação de que fazem parte da roupa usável.Se tem o hábito de usar, sistematicamente, os conjuntos da mesma forma, experimente guardá-los em separado - calças para um lado, casacos e blusas para outro. Assim, será mais fácil experimentar novas combinações e quem sabe se não terá agradáveis surpresas?Finalmente, deverá analisar atentamente o conjunto do seu guarda-roupa, de modo a definir o que realmente lhe faz falta, poupando, assim, compras desnecessárias. Lembre-se de que as compras “por paixão” só deverão acontecer quando não houver grandes falhas ao nível do básico.Boa sorte e boas compras!
Homens – Dicas para organizar a sua Roupa
Os fatos e os casacos devem ter cabides com ombros à medida, para não se deformarem e ser mantidos dentro de um porta-fatos. As calças clássicas têm de ser penduradas em cabides de calças (com mola), dobradas pelos vincos e suspensas pelas bainhas. De preferência, faça isto com todo o tipo de calças. Não faça amontoados de peças em cada cabide. Além de, provavelmente, se vir a esquecer do que está por baixo, irá também deformar essas peças. Sempre que possível, as camisas devem ser penduradas com o botão do colarinho fechado, uma em cada cabide. Na ausência de espaço, guarde-as dobradas em gavetas - uma para as clássicas, outra para as desportivas.As malhas nunca podem ser penduradas: alargam rapidamente e perdem a forma. Devem ser dobradas, como nas lojas e guardadas em gavetas.Os sapatos devem ser guardados com esticadores e serem engraxados regularmente. Os que são menos usados devem ser mantidos em caixas.Os cintos devem ser enrolados e guardados em gavetas ou num suporte próprio. Dobrá-los como se fossem gravatas é condená-los a uma vida curta. As gravatas serão dobradas ao meio e colocadas em suporte próprio ou enroladas e guardadas em gavetas.É importante ter também em atenção as instruções de lavagem de cada peça. Como sabe, é obrigatório incluí-las na etiqueta, por isso, só tem de as respeitar.

quarta-feira, agosto 16, 2006

THE LAKE HOUSE

A Casa da Lagoa
The Lake House

Estados Unidos - 2006
105 min - Drama
12 anos
Shohreh Aghdashloo (Actor / Actriz)
Sandra Bullock (Actor / Actriz)
Keanu Reeves (Actor / Actriz)
David Auburn (Argumento)
Alejandro Agresti (Realização)

http://www.lakehouse.com.pt
Ver o trailerKate Forster (Sandra Bullock) é uma médica solitária que morava numa casa à beira de um lago que acaba de vender. Sem perceber exactamente porquê, começa a trocar cartas de amor com o novo proprietário, Alex (Keanu Reeves), um arquiteto frustrado. Este relacionamento escrito dura dois anos até que, percebendo que estiveram a perder tempo, eles decidem correr atrás dele...

Fonte: www.sapo.pt