segunda-feira, março 31, 2008

De volta à labuta....

Com muito xoninho....

domingo, março 30, 2008

E acabam as férias.........

BBUUUUUÁÁÁÁÁÁÁÁÁ!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Se o que é bom acaba depressa, cá fica outro exemplo...

Destino: Lisboa

sábado, março 29, 2008

Horton e o Mundo dos Quem - ****

Horton e o Mundo dos Quem (V.P.)




Horton Hears a Who!
Estados Unidos - 2008
- Animação
6 anos



Ken Daurio (Argumento)
Cinco Paul (Argumento)
Steve Martino (Realização)
Jimmy Hayward (Realização)
Vítor Norte (Voz-Off)
Manuel Marques (Voz-Off)
João Baião (Voz-Off)
Inês Castel-Branco (Voz-Off)



http://www.castellolopesmultimedia.com/horton/

Ver o trailer:




Um elefante com muita imaginação chamado Horton ouve um sumido pedido de ajuda vindo de um grãozinho de pó que flutua pelo ar. Horton suspeita que pode haver vida naquele pedacinho de pó e apesar da sua comunidade achar que ele perdeu o juízo, ele está determinado a salvar a pequena partícula. Afinal o grãozinho é na verdade um planeta minúsculo, onde há uma cidade chamada "Quem Vila" habitada por seres de tamanho microscópico conhecidos por os "Quem". Os "Quem" pedem a Horton (cujos habitantes o elefante não consegue ver, embora os consiga ouvir bastante bem, por causa da sua audição extraordinária) que os proteja do mal, ao qual Horton alegremente acede. Ao fazer isso ele é ridicularizado e maltratado pelos outros animais da selva, por acreditar em algo que eles não conseguem ver nem ouvir. Horton conta aos "Quem" que eles necessitam fazer-se ouvir aos outros animais. Para isso os "Quem" tem que garantir que cada um dos minúsculos membros da sua sociedade faz a sua parte para que isso aconteça.

OPINIÃO:

Gostei tanto da história que acabei levando o meu sobrinho para ver o filme comigo! E Porque as dobragens para Português são cada vez com mais qualidade... :)

Lição de Vida: "Uma pessoa é uma pessoa, independente do tamanho."

sexta-feira, março 21, 2008

Curiosidades

O diário de Ernesto Che Guevara, escrito durante a sua actividade guerrilheira na Bolívia, já está acessível na internet.O projecto surge a partir de uma parceria entre o Centro de Estudos Che Guevara e o portal Cuba Sí.Intitulado “Bolívia, Diário de Luta“, as páginas constituem uma «homenagem ao ‘Che’ e a todos os seus companheiros de luta», revelou Aleida March, viúva do comandante guerrilheiro e directora do centro, ao jornal «Correio do Brasil».De acordo com Daily Pérez, coordenadora de projectos alternativos do Centro de Estudos Che Guevara, o diário online «reproduz o documento dia-a-dia» do comandante na Bolívia, onde pensava estender o movimento guerrilheiro por todo o continente latino-americano.Para além das páginas escritas pelo próprio ‘Che’, o site disponibiliza ainda testemunhos de outros combatentes, para além bibliografias, mapas, ideias revolucionárias, uma galeria de fotos, infografias das zonas de operações, discursos de Guevara, entre outros documentos da guerrilha.De salientar que o livro foi incluído na internet exactamente 40 anos depois das primeiras anotações feitas pelo revolucionário, a 7 de Novembro de 1966.





Ernesto Che Guevara foi assassinado a 9 de Outubro de 1967, por um oficial do exército boliviano. Abandonado pelo Partido Comunista da Bolívia, de obediência soviética, que não queria envolver-se com o movimento guevarista, o grupo de 16 guerrilheiros foi completamente massacrado.Ferido em combate e preso, ‘Che’ foi sumariamente executado às ordens de Barrientos, que receava que um julgamento público se transformasse num palco para as suas ideias revolucionárias.O seu corpo foi enterrado clandestinamente e por mais de 30 anos o local permaneceu desconhecido. No entanto, graças à informação revelada por um ex-combatente boliviano que participou na captura, assassínio e enterro do líder guerrilheiro, o seu cadáver foi localizado por um grupo de antropólogos argentinos, em 1997. O corpo está actualmente num mausoléu na cidade de Santa Clara, em Cuba.



Fonte: Ciberia

Frase do dia

"Sonha e serás livre de espírito... luta e serás livre na vida."

Diários de Che Guevara - ****







Sinopse:
Em 1952, dois jovens argentinos iniciam um viagem à descoberta da América Latina. Ernesto Guevara (Bernal) tem 23 anos e estuda medicina, enquanto o amigo Alberto Granado (Serna) é bioquímico. O percurso, que pretendem percorrer na mota de Alberto, é longo e ambicioso. E leva-os a questionar os valores éticos e políticos da época.







Em 1952, dois jovens argentinos, Ernesto Guevara (Gael García Bernal) e Alberto Granado (Rodrigo de la Serna), partiram numa viagem de estrada para descobrir a verdadeira América Latina. Ernesto é jovem de 23 anos estudante de medicina especialista em leprologia, e Alberto, de 29 anos, é bio-químico. Com um romântico sentido de aventura, os dois amigos deixam os seus confortáveis ambientes familiares em Buenos Aires em cima da motocicleta de Alberto, uma 1939 Norton 500, que recebe a alcunha "La Poderosa". Embora a motocicleta se avarie durante a sua jornada, eles continuam com recurso à boleia. À medida que se afastam cada vez mais da familiar e confortável Buenos Aires, os dois amigos tornam-se próximos como irmãos, unidos pela crença no progresso e no que a ciência e a medicina podem fazer pela região. Começam a conhecer uma diferente América Latina, através das pessoas que encontram na estrada, ao mesmo tempo que a variada geografia que encontram, de montanhas a desertos, de complacentes ricos a pessoas de pobreza extrema, começa a reflectir as suas próprias perspectivas em mudança. De mineiros sem casa a prostitutas de barco, de vítimas de lepra a pessoas prósperas, Ernesto e Alberto descobrem uma afinidade para a humanidade neles, e uma determinação para mudar o mundo. Durante a viagem de 8 meses e 8 mil quilómetros, partindo da Argentina, seguindo através dos Andes para o Chile, passando pelo deserto de Atacama para o Peru, em direcção a uma colónia de leprosos, até chegar à Venezuela, eles sobem às alturas de Machu Picchu, onde as majestosas ruínas e o extraordinário significado da herança Inca, destruída pelos invasores espanhóis, lhes causa um profundo impacto. Quando chegam à colónia de lepra de San Pablo, localizada nas profundezas da Amazónia peruana, os dois jovens começam a questionar o valor do progresso que é definido por sistemas económicos que deixam tantas pessoas na pobreza extrema e as oprime. As suas experiências na colónia despertam neles os homens que eles irão tornar-se mais tarde, ao definir a jornada política e ética que vão seguir nas suas vidas.









O MELHOR - Gael Garcia Bernal. Que gigantesca interpretação do jovem mexicano que Alfonso Cuarón mostrou ao mundo em E Tu Mama Tambien. E que margem de progressão imensa que o jovem, que este ano também brilhou ao serviço de Almodovar, tem. Não estou a ser exagerado quando afirmo. Este é o primeiro Marlon Brando do cinema hispânico.



O PIOR - Depois de tantas belas paisagens no sul do continente, talvez mais algumas imagens do majestoso Amazonas, especialmente vistas de cima, pudessem trazer ainda mais beleza a este filme poético.



CURIOSIDADE - A última cena do filme mostra um homem idoso a ver um avião levantar voo. Ele é nada mais nada menos que Alberto Granado, o viajante sobrevivente. Agora residente em Cuba, Granado ajudou Salles na concepção do filme e disse no final que tudo se tinha passado desta forma. E disse-o com aquele olhar nostálgico de quem sabe que fez história...





Site Oficial - www2.uol.com.br/bvi/diariosdemotocicleta






Realizador - Walter Salles
Elenco - Gael Garcia Bernal, Rodrigo de la Serna, ...
Produtora - Focus Features
Duração - 128 minutos
Classificação - m/12



OPINIÃO:

Adorei o filme. Surpreendeu-me pela positiva. Nunca imaginei que a vida de Che Guevara tivesse sido tão estóica e cheia de emoções e sentimentos. O filme mostra-nos um lado do Che que o público em geral desconhece e dá-nos uma amostra de uma aventura com umas pinceladas cómicas.

Comprei o DVD sem sequer saber muito bem do que se tratava. Uns amigos tinham-me já falado do filme quer era muito bom e que mostrava-nos um lado do comandante jovem idealista e sensível. Fiquei curiosa e no próprio dia vi o filme. Mostra paisagens lindas, culturas, costumes e povos muito diferentes mas que nos tocam de diversas formas.

Recomendo.




Cá fica o trailer do filme:



sexta-feira, março 14, 2008

Destino: Madeira

Mudança de planos: viagem para a Madeira com estadia durante 2 semaninhas....
Aproveitar para despedida... Descansar, rever amigos, estar com família.

quarta-feira, março 12, 2008

P.S. I love you - *****

P.S. I Love You
Estados Unidos - 2007
126 min - Comédia
12 anos

Lisa Kudrow (Actor / Actriz)
Hilary Swank (Actor / Actriz)
Gerard Butler (Actor / Actriz)
Richard LaGravenese (Argumento)
Richard LaGravenese (Realização)

Site oficial: http://psiloveyoumovie.warnerbros.com/;
http://www.psiloveyoumovie.co.uk/







Holly Kennedy é bonita, inteligente e casada com o amor da sua vida Gerry um apaixonado, divertido e impetuoso Irlandês. Assim sendo, quando Gerry morre, a vida de Holly parece ter também terminado. A única pessoa que a pode ajudar, já não está com ela. Ninguém conhece Holly melhor do que Gerry. Mas, por sorte, ele planeou tudo com muita antecedência. Antes de morrer, Gerry escreve a Holly uma série de cartas que a orientarão, não apenas no seu desgosto mas também na redescoberta de si mesma. No seu 30º aniversário, Holly recebe uma mensagem em forma de bolo: para seu grande choque é uma cassete gravada por Gerry, que a incita a sair e celebrar a vida. Nas semanas e meses que se seguem, mais cartas de Gerry lhe são entregues de formas surpreendentes, cada uma remetendo Holly para uma nova aventura e todas terminando com da mesma forma: P.S. I Love You.





OPINIÃO:
Depois de um sábado passado em terras de "nuestros irmanos" fui a Braga ao cinema ver o filme "P.S.: I love you" e simplesmente adorei! Com imagens lindas da Irlanda!

Pensava que era mais um daqueles filmezecos lamechas......
Mas afinal não....




Um filme que surpreendeu-me profundamente da forma mais positiva. Uma lição de vida. Um filme que emana o amor em imagens. Cenas em que nos revemos facilmente e que nos fazem chorar como no segundo a seguir nos fazem dar uma boa gargalhada. Com uma banda sonora fantástica, donde se destacam os Pogues com a música: "Love 'till the end".


Aconselho vivamente! :)

Lindo para se ver e perceber que a vida são dois dias e que muitas vezes andamos chateados ou implicamos com coisas que nem valem a pena... E ficam sempre coisas por dizer...........








Trailler:






Fontes:
http://movies.msn.com/; http://movies.yahoo.com/.

quarta-feira, março 05, 2008

Não por acaso - ****







Énio (Leonardo Medeiros) é um engenheiro de trânsito que, operando sinais, busca comandar o fluxo dos automóveis da cidade de São Paulo. Sua mania de controle reflete-se também em sua vida doméstica. O encontro com a filha, Bia (Rita Batata), faz com que ele se sinta sem o controle de tudo. Pedro (Rodrigo Santoro) é dono de uma marcenaria especializada na construção de mesas de sinuca (snooker). Meticuloso, possui uma visão peculiar do jogo de sinuca. Um acidente faz com que a vida de ambos tome rumos...




Género: Drama
Tempo: 102 min.
Lançamento: 07 de Jun, 2007
Lançamento DVD: Out de 2007
Classificação: 10 anos
Distribuidora: Fox



ELENCO:
Rodrigo Santoro . . . Pedro
Leonardo Medeiros . . . Énio
Letícia Sabatella . . . Lúcia
Branca Messina . . . Teresa
Rita Batata . . . Bia
Cacá Amaral . . . Tobias
Ney Piacentini . . . Nogueira
Graziella Moretto . . . Mônica
Silvia Lourenço . . . Paula
Giulio Lopes . . . Jaime
Cássia Kiss . . . Iolanda






OPINIÃO:


Este filme brasileiro, da Globo, conta com a participação no elenco de Rodrigo Santoro e com a belíssima Letícia Sabatella.

Uma visão interessante sobre diversas formas de amor e de que como damos mais valor quando já não o temos... Conta 2 histórias sobre 2 homens: Pedro e Énio, que acabam se interligando na trama.... É a poesia transcrita em imagens....
Na nossa Vida até os segundos podem fazer a diferença.....
Adorei o filme e recomendo!!




















Vídeo do filme: